Programa Sustenta: Dois centros de desenvolvimento agrário para o distrito de Vilankulo

Os dois empreendimentos cujas obras de construção arrancaram no dia 27 de Abril corrente serão implantados em Chichocane e Mapinhane, duas regiões de Vilankulo, com fortes potencialidades agrícolas.
Falando momentos após ao lançamento da primeira pedra para a construção dos dois Centros Agrários de Vilankulo, a Directora Nacional do Desenvolvimento Económico Local, no Ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural, Doutora Inês Cuambe, avançou que a instalação destes empreendimentos resulta da implementação do projecto SUSTENTA, que tem em vista garantir o incremento da produção agrícola e renda para as famílias.
Por sua vez, o administrador do distrito de Vilankulo, Edmundo Galiza Matos Júnior, quer maior envolvimento das comunidades locais para que as obras de construção dos Centros do Desenvolvimento Agrário de Chichocane e Mapinhane cumpram os prazos previstos, cuja execução deverá ser de seis meses.
Os Centros de Desenvolvimento Agrários são locais de treinamento de produtores e incluem maquinarias agrícolas. Com a instalação destas infraestruturas, os produtores de milho, hortícolas e outras culturas de rendimento, nas baixas de Chichocane e Mapinhane, perspectivam incrementos nos resultados da produção.
As baixas de Chichocane e Mapinhane, no distrito de Vilankulo, dispõem de uma área de cerca de 3500 hectares, mas, perto de metade ainda não é explorada, pelos mais de duzentos produtores do sector familiar que desenvolvem a agricultura nestes locais.

Artigos relacionados

English EN Portuguese PT