LANÇADA CAMPANHA DE VACINAÇÃO NO NIASSA

A Governadora de Província do Niassa, Elina Judite Massengele, procedeu está sábado (10/04), o lançamento da Campanha de Vacinação Animal, no Povoado de Mefululuji, Distrito do Lago.
A Campanha de Vacinação Animal é uma actividade que é realizada todos os anos como uma das principais estratégias adoptadas pelo Governo Moçambicano, através do Serviços Veterinários, para a prevenção e controlo de certas doenças que afectam os animais e que são transmitidas por este ao Homem. Este processo, é visto como prioridade pelo sector, uma vida a imunização dos animais para a prevenção e controlo de doenças no sentido de contribuir para a diminuição de perdas económicas por mortes ou baixa produção destes, assim como, a protecção do homem de doenças transmissíveis pelos homens.

Segundo Judite Massengele, Governadora do Niassa, o seu executivo assume o compromisso em continuar a manter o sector agropecuária, forte, diversificado, de modo que continue a garantir a renda de cerca de 68% da população do Niassa. “Por isso o período de vacinação que hoje oficializamos, iniciou em Março e vai até Dezembro de 2021, tendo em conta a época provável de ocorrência de doenças e o estado de imunidade dos animais, desde a última vacinação a que tenham sido sujeitos. E referir que nesta fase, osu animais vão ser administrados vacinas contra a: Dermatose Nodular; Carbúnculo Sintomático e Carbúnculo Hemático” – disse Massengele.

Ainda na ocasião, a timoneira do Niassa, chamou atenção a todos criadores e proprietários dos animais, a facilitarem o processo de vacinação, de modo a alcançar a imunização de mais de 80% do efectivo animal que a Província do Niassa possui, abrangendo desde os Cães, Gatos, Bovinos e Galinhas, descriminados em, vacina contra dermatose nodular: 2.465 animais; vacina contra carbúnculo sintomático: 10,168 animais; vacinação contra carbúnculo hemático: 30,813 animais; vacina contra a brucelose: 3.083 animais; vacina contra Newcastle: 1.313.797 galinhas; e vacina contra a Raiva: 16.505 animais. “Porque só assim, é que podemos inverter o cenário das 291 mordeduras contra 233 registadas no igual período do ano em curso, representando um decréscimo de 24,9% pese embora sem registo de óbito.” apela Elina Judite Massengele, Governadora de Niassa.

Artigos relacionados

English EN Portuguese PT