Moçambique é o primeiro país em África no processamento primário da castanha de caju

Moçambique quer voltar a ser uma referência mundial na produção e comercialização da castanha de caju. A pretensão foi expressa esta segunda-feira no distrito de Zavala a sul da província de Inhambane por, Higino de Marrule, Ministro da Agricultura e Segurança Alimentar. Higino de Marrule afirmou que neste momento estão em curso acções para ampliação das áreas de produção desta cultura de rendimento. Segundo o Ministro da Agricultura e Segurança Alimentar, Higino de Marrule, este ano foram produzidas e plantadas mais de 3.5 milhões mudas de cajueiros. (RM)

Artigos relacionados

English EN Portuguese PT