CAMPANHA DE COMERCIALIZAÇÃO DE TABACO LANÇADA EM MUEMBE

O evento decorreu no dia 11 de Junho corrente no âmbito da campanha agrária 2020/21 e foi dirigido por Sua Excelência Elina Judite Massengele, Governadora de Província do Niassa. Com o acto prevê-se comercializar mais de 19 milhões de quilogramas de tabaco provenientes de um total de 32.480 produtores.

Na ocasião, a Governante avançou que a comercialização de tabaco desempenha um papel na economia pelo facto de constituir uma das principais fontes geradora de rendimento para a população da província no geral, e da zona rural, em particular, onde a principal actividade económica é a prática da agricultura.

Ainda no seu discurso, a dirigente afirmou que a comercialização é um dos principais factores impulsionadores das ligações de mercado através da dinamização dos sectores, das estradas, dos transportadores, das finanças, da energia, bem como, da indústria.

Num outro desenvolvimento, a Chefe do Executivo Provincial disse estar convicta de que a empresa MLT, que opera na província de Niassa com 10 Centros de Compra, vai conseguir atingir a outros produtores, uma vez que não só abrange a compra do tabaco no distrito de Muembe, bem como, a produtores residentes nos distritos de Sanga, Lichinga e Lago.

Por sua vez, o Director da Agronomia Norte, Cláudio Ferreira, falando em nome da empresa MLT, disse que na presente campanha está em vigor o projecto de bancarização rural que consiste no pagamento via banco aos produtores, o que permitirá a segurança e integridade face a possíveis indícios de assaltos aquando do regresso do local da compra para os locais de origem.

Artigos relacionados

English EN Portuguese PT